Associação Portuguesa de Terapia Familiar e Comunitária

em parceria com:

Introdução à Mediação Escolar

A mediação, enquanto meio construtivo de resolução de conflitos (na expressão de P. Cunha), oferece, pelo que proporciona aos envolvidos no conflito, um espaço ideal para desenvolver, quer naqueles que desempenham o papel de mediadores, quer naqueles que como mediados trabalham em conjunto para a resolução dos seu problema, a capacidade de respeito mútuo, comunicação assertiva e eficaz, compreensão da visão do outro, aceitação da diferente percepção da realidade. Na mediação trabalha-se a cooperação (para resolver um problema comum), o respeito, a identidade e o reconhecimento do outro enquanto pessoa e ser total. Neste sentido, defendemos que o espaço ideal para começar a desenvolver estes valores é a escola. A forma como ensinarmos as nossas crianças a resolverem os seus conflitos, definirá, em parte, o nosso sonho de futuro numa sociedade de bem estar. (Isabel Oliveira)

“Educar para reduzir os conflitos supõe apostar na felicidade” (M. Burguet).

No sentido de enriquecer a prática de todos os profissionais que se encontram a trabalhar directa ou indirectamente no meio escolar, convidámos a Dra Isabel Oliveira, Mediadora Escolar e Formadora de Mediadores, que irá proporcionar uma acção com carácter prático com vista a mais e melhor comunicação e relação nas nossas Escolas.

                                

 

Objectivos

Programa

 

 

  

 

Introdução à Mediação Escolar

 

 

Formador: Isabel Oliveira*

(em parceria com Jurisolve)

 


 Calendarização:

14, 19 e 28 de Outubro

e 4 de Novembro de 2010

 (9h30 – 17h30, com uma hora de almoço)

 


 Investimento: €160

20% de desconto para Associados APTEFC, APS, ou para participantes de outras acções do Núcleo de Formação Sistémica

 

 

 

 

 

 

 

 


 

4  Desenvolvimento de capacidades de comunicação, tais como a escuta activa e a capacidade de empatia;



 

4  Alteração da linguagem para uma linguagem do “eu” (eu sinto, eu penso), substituindo uma linguagem acusatória baseada no “tu” (tu deves, tu fizeste);

 


4  Oferecer instrumentos de comunicação que permitam, desde logo, gerir “conversas difíceis”, utilizando estratégias para lidar com emoções negativas;

 


4  Oferecer instrumentos específicos do “Processo de Mediação”, de modo a trabalhar a mediação como meio para gerir e resolver conflitos em contexto escolar

 


4  Ficar apto a conceber o desenho do sistema a implementar no contexto escolar.

 

 

Aspectos sociológicos e psicológicos do conflito

Teoria do conflito – introdução à conflitologia

Conflitos sociais e conflitos familiares

O conflito no contexto escolar

Conflitos interculturais

Estilos e condutas de gestão de conflitos

Modelos de Gestão e Resolução de Conflitos

 

Comunicação e conflito

A comunicação nas relações interpessoais

Técnicas de comunicação aplicadas à Mediação (Escuta Activa e feedback;  Empatia e Rapport; Assertividade)

 

Gestão e resolução de conflitos em contexto escolar

As respostas institucionais e organizacionais

Propostas de intervenção através do diálogo

A importância da criatividade na resolução de conflitos

Jogos de roles e jogos cooperativos

 

A proposta da Mediação

Mediação Organizacional

Mediação em Contexto Escolar ( Mediação entre pares;  Estratégias para a Gestão de emoções em contexto de mediação; O processo de Mediação;  Prática de mediação)

 

Implementação e desenho de projecto

 Avaliação e análise de necessidades

Estratégias de intervenção

Desenho de sistema

        

* Isabel Oliveira é Licenciada em Direito pela Universidade de Coimbra, com formação em Mediação Escolar desde 2004. É Master em PNL - Programação Neuro-linguística. Foi Responsável pela Resolução transfronteiriça de Conflitos de Consumo na Agência Europeia de Informação sobre Consumo, de 1996 a 1998 ; Jurista e conciliadora no Centro de Arbitragem de Conflitos de Consumo do Distrito de Coimbra, de 1998 a 2000 e Directora do Centro de Arbitragem de Conflitos de Consumo, de 2000 a 2003.

Sócia-gerente da JURISolve, Lda, desde 2003 e Coordenadora científica da CONSENSUS, desde 2005. Formadora de Mediadores de Conflitos, desde 2007 e Mediadora de conflitos nos Julgados de Paz de Coimbra e Agrupamento de Cantanhede, Mira e Montemor-o-velho. É também Mediadora de Conflitos no Sistema de Mediação Laboral



Local: R. Luís Braille, Lt. A-1 Lj. A . 1400-026 Lisboa [ver no googlemaps]

(Instalações PH+ - Desenvolvimento de Potencial Humano)